Unidades: Octogonal (61) 3213-3737 - Cruzeiro: (61) 3213-3838

Sarau lembra centenário do nascimento do poeta Manuel de Barros

Na noite de 22 de setembro, a música e a poesia tomaram conta do CIMAN Octogonal. Na ocasião, os estudantes do Ensino Médio, com a participação dos alunos do 9° ano como convidados especiais, realizaram o Sarau Literário 2016, lembrando o centenário do nascimento do poeta cuiabano Manuel de Barros, falecido em 2014. Vencedor de dois prêmios Jabutis (por “O guardador de águas”, em 1989, e “O fazedor do amanhecer”, em 2002), ele teve livros publicados no Brasil e em Portugal, França, Espanha e Estados Unidos. Em 1998, recebeu o Prêmio Nacional de Literatura do Ministério da Cultura, pelo conjunto do seu trabalho.

Para homenageá-lo, estudantes e professores trabalharam sua obra em sala de aula e produziram, em grupos, esquetes com poesia, música e dança sobre Manuel de Barros e a história do Brasil nas décadas de sua criação literária. “Os estudantes se envolvem no sarau, ganhando conhecimento em literatura e, mais do que isso, em arte e cultura brasileiras. É muito bom ver as novas gerações valorizando o que de melhor se produziu, em décadas passadas, no País”, diz Leise Protta Lanna, coordenadora pedagógica do Ensino Médio CIMAN.

Veja as fotos do Sarau Literário do CIMAN Octogonal.